A importância de incentivarmos nossos filhos a fazerem o que amam

_MG_6707.jpg

A importância de incentivarmos nossos filhos a fazerem o que amam

Eu adoro um programa que passa no canal GNT chamado Que Marravilha! Chefinhos. O programa é comandado pelo renomado chef Claude Troisgros e seu fiel escudeiro Batista.

Na dinâmica desta apresentação, crianças que amam cozinhar colocam suas habilidades em cheque tendo que replicar um prato ensinado pelo chef Claude. Confesso que fico emocionada de ver tanta clareza, determinação e paixão destas crianças a se dedicarem a uma atividade que AMAM fazer.

A família acompanha o desenrolar da prova junto com o Chef, aguardando ansiosos pela produção dos seus rebentos.

Acho tão lindo quando a família apoia, incentivam estes jovens talentos a fazerem o que amam, a acreditarem nos seus potenciais e seguirem na sua verdadeira missão. Sei que na vida real as coisas não são tão perfeitas assim, sou mãe e sei bem os efeitos da rotina, das responsabilidades que assumimos e principalmente dos padrões mentais que escolhemos acreditar. Policio-me para não podar as potencialidades da minha pequena guru por causa das minhas crenças sobre o mundo do trabalho.

Se tem uma dica que eu posso dar para os pais é ficarem atentos aos talentos naturais e dominantes dos seus pimpolhos. Também é importante não se prender a padrões pré-estabelecidos sobre as profissões e sobre o que é ser bem sucedido.

Vocação não é uma escolha. É uma construção.

Seguimos juntos nesta jornada. Gratidão.

Alinne Ferreira